Como a sustentabilidade está mudando a forma como você constrói e decora os ambientes da sua casa

movel-reciclado

Hoje, para uma casa ser considerada boa, não basta ser bonita, prática e econômica. Ela também precisa ser ecologicamente correta. Tendência na arquitetura e na decoração, a sustentabilidade está mudando o conceito de lar, assim como tem influenciado nas mais diversas áreas da nossa vida.

Pensando nisso, separamos para você, que vai construir ou reformar sua casa, dicas para deixar seu cantinho ainda mais elegante e sustentável.

Steel frame

steel-frame

O sistema de construção steel frame, também conhecido como construção leve, consiste no uso de painéis de aço galvanizado 100% reciclável. O steel frame não gera desperdícios no canteiro de obra e, devido à sua leveza, a montagem dos módulos pode chegar a ser seis vezes mais rápida que uma construção de alvenaria.

Se quiser saber mais, confira o nosso post sobre o modelo de construção civil que promete superar a alvenaria.

Container

casa-container

Melhor do que isso, só reutilizando containers para fazer sua casa. Parece radical, mas quando prontas, as casa-containers são belíssimas e algumas nem lembram os equipamentos rústicos usados no transporte de carga marítima.

A reciclagem do material é duplamente econômica. Dispensa o uso de recursos naturais (como areia, água, barro etc.) e reaproveita o container que se tornou inválido para o transporte de mercadoria, além de preservar melhor o solo e o lençol freático.

Iluminação

No seu projeto de casa sustentável não pode faltar um sistema de iluminação eficiente e econômico. Seu bolso e o planeta vão agradecer.

Por um lado, seu arquiteto precisa investir no aproveitamento da iluminação natural. Então abuse das janelas de vidro temperado. É um material que não deixa resíduos na instalação e é de grande durabilidade.

Por outro lado, é necessário utilizar com eficiência a luz artificial. Opte pelas lâmpadas LED. São mais ecológicas, dissipam menos calor e podem gerar uma economia de até 90%.

Energia solar

Para complementar a infraestrutura sustentável da sua casa, faça um investimento em energia solar. Investimento porque o retorno de um sistema fotovoltaico conectado à rede gira em torno de 5 a 7 anos. A partir daí, você começa a lucrar com a produção de energia, ao mesmo tempo que evita a emissão de CO2 no planeta.

Para dar um exemplo, um consumo de 300 KWh por mês (R$ 215,00 de valor a pagar considerando-se uma tarifa de R$ 0,71), corresponde a 487,8 Kg de CO2, segundo o calculador de carbono da Iniciativa Verde.

Móveis ecológicos

mesa-de-caixotes

Na hora de mobiliar a casa, opte pelos móveis com o selo do Conselho de Manejo Florestal (FSC), que garante que a árvore tenha vindo de uma floresta manejada de forma adequada.

Ou então, compre um móvel feito com de madeira de plástico. Menos conhecida, ela é feita a partir do composto de fibra de madeira e resíduos plásticos.

Segundo a fornecedora Intacta, “para cada 30m² de madeira sustentável produzida, uma árvore grande adulta é preservada e 180 mil sacolas plásticas são retiradas da natureza”. Razões suficientes para fazer da madeira uma escolha sustentável.

Ainda resta a opção pelos móveis feitos com material reciclado. Os mais comuns são de madeira, plástico e metal, para facilitar na hora de combinar com a sua decoração.

Tinta ecológica

Na hora de dar cor às suas paredes, você pode utilizar uma tinta ecológica caseira. Feita a partir de pigmentos derivados de minerais, vegetais ou insumos de animais, é uma tinta livre de tóxicos e metais pesados.

Estes materiais podem facilmente ser encontrados em lojas de artesanato já em forma de pó. Para fazer a liga, pode-se utilizar amido, óleo de linhaça ou caseína, além da argila para o enchimento.

O principal benefício da tinta ecológica é não conter Compostos Orgânicos Voláteis (COVs), que além de serem fontes de poluição atmosférica, podem trazer implicações para a saúde, sobretudo das crianças.

Jardins Suspensos

Por falar em saúde, vamos fechar esta lista recomendando a instalação de um jardim suspenso. Além de levar charme para sua casa, é uma excelente forma de melhorar a qualidade do ar.

Mas quais plantas escolher? Segundo um estudo da Nasa em parceria com a Associated Landscape Contractors of America (ALCA), estas são algumas das melhores plantas para purificar o ar:

  • Comigo-ninguém-pode (Aglaonema)
  • Lírio da paz (Mauna Loa)
  • Gérberas (Gerbera Jamesonii)
  • Espada de São Jorge
  • Jiboia (Scindapsus aureus)
  • Clorofito (Chlorophytum comosum)

Juntas, elas filtram gases tóxicos como benzeno, formaldeído, tricloroetileno, xileno e amônia. Os poluentes são encontrados em materiais simples de nossas casas, como sacolas plásticas, detergentes, tinta, colas adesivas, perfumes, repelentes, limpadores de vidro entre outros químicos.


Quer assinar o Blog?

Seu formulário foi enviado com sucesso!!!
Conheça a Enel X

Descubra a Enel X e mude a forma de se relacionar com a energia. Conheça nossos produtos e serviços inovadores, capazes de tornar seu dia a dia mais eficiente e simples. Unimos forças e parcerias para integrar as melhores soluções. O poder agora está em suas mãos!


Saiba mais